SC: Pintor de 42 anos morre de maneira trágica enquanto trabalhava

Acidente aconteceu nesta quarta, dia 3 de abril

ANÚNCIOS

Em uma tarde de trabalho que se transformou em tragédia, Márcio Fontana, um pintor de 42 anos, encontrou seu destino de forma abrupta em Jaraguá do Sul. O incidente ocorreu na Rua Expedicionário Gumercindo da Silva, onde Márcio estava engajado em suas atividades laborais, pintando um estabelecimento.

Sentado no telhado, um movimento infortúnio fez com que o cabo de seu rolo de pintura entrasse em contato com a fiação elétrica, resultando em uma descarga elétrica fatal.

ANÚNCIOS

O acidente, ocorrido na tarde desta quarta, dia 3 de abril, levou Márcio a sofrer uma parada cardiorrespiratória seguida de uma queda devastadora. Testemunhas relataram o momento em que o pintor, estando em cima de uma escada, inadvertidamente tocou a fiação elétrica, culminando em uma cena que ninguém gostaria de presenciar.

Imediatamente, equipes de resgate, incluindo os Bombeiros Voluntários e o SAMU, foram acionadas, chegando prontamente ao local para prestar socorro. Apesar dos esforços e das tentativas de reanimação por aproximadamente 30 minutos, a vida de Márcio não pôde ser salva, e sua morte foi confirmada ainda no local do acidente.

Este doloroso evento serve como um lembrete sombrio da importância da segurança no trabalho, especialmente em profissões que envolvem riscos elevados como a pintura em alturas e a proximidade com instalações elétricas.

ANÚNCIOS

A perda de Márcio Fontana ecoa um alerta para a necessidade de rigorosos protocolos de segurança e treinamento adequado para evitar que tragédias semelhantes se repitam.

A comunidade de Jaraguá do Sul e o mundo do trabalho lamentam a partida prematura de Márcio, relembrando que, por trás de cada acidente, há histórias não contadas e vidas interrompidas abruptamente.

Paulo Machado

Colunista de portal de notícias dedicado a TV e Famosos, Curiosidades, Saúde Natural e Bem-estar, Finanças e Política Brasileira