Frio pode ter matado uma moradora de rua em São Paulo na madrugada de hoje, a mais fria do ano

A temperatura chegou a 6,7ºC na madrugada de hoje e poderá cair ainda mais neste domingo.

ANÚNCIOS

A cidade de São Paulo registrou neste sábado (22), a madrugada mais fria do ano e uma moradora de rua foi encontrada já sem vida na Praça da Sé, um dos principais pontos da capital.

De acordo com o CGE – Centro de Gerenciamento de Emergências, na noite de ontem a temperatura despencou e esfriou ainda mais durante a madrugada.

A moradora de rua pode ter morrido por causa do frio intenso, mas o caso ainda será apurado. De acordo com a Secretaria de Segurança Urbana da Prefeitura de São Paulo, o corpo da mulher foi encontrado por volta das 8h30 de hoje, dentro de um barraco improvisado no local.

A perícia tem 30 dias para determinar qual foi a causa da morte desta mulher. No local há outros moradores de rua e muitos temem que o mesmo possa acontecer com alguns, principalmente os mais idosos, já que o frio continua em São Paulo por mais alguns dias.

ANÚNCIOS

O CGE informou que esta frente fria se afastará do litoral de São Paulo, só que os ventos úmidos continuarão provocando baixa temperatura, nebulosidade e até chuva em algumas regiões do estado. A tendência é que faça mais frio nos próximos dias.

Uma forte massa de ar polar que chegou ao sul do Brasil avançou pela região sudeste e derrubou a temperatura em todo estado de São Paulo, resultando em um frio intenso. Durante a madrugada a situação fica ainda mais complicada, mas a prefeitura não informou até o momento se os moradores de rua receberão algum apoio nestas noites geladas.

 

Russel Morais

Aqui você encontra as últimas notícias sobre famosos, novelas, reality, televisão e muito mais. Tem sempre uma matéria nova para você conferir e ficar por dentro de tudo.