Famosa por seus filmes na indústria adulta, Mia Khalifa faz série de publicações orientando mulheres a não seguirem seus passos

Mia entrou para o mundo dos vídeos adultos quando, aos 21 anos, ao terminar a faculdade se viu desempregada. A jovem foi abordada por um homem que ofereceu um emprego como modelo.

ANÚNCIOS

Mia Khalifa atualmente segue sua vida como influencer. A jovem agora tenta construir sua carreira e deixar para trás, tanto quanto possível, a carreira no ramo de filmes adultos. Ela não tenta apagar o que fez, mas sim conscientizar as pessoas.

Khalifa procura sempre desglamourizar a carreira como atriz de filmes adultos. A jovem sempre procura falar sobre as dificuldades que enfrentou durante as produções, mas principalmente as marcas que a seguem até hoje. Mia nunca negou ter traumas do período.

Em outras ocasiões, a ex-atriz adulta já falou sobre o período e revelou que o tratamento que recebia era muito ruim. Ela nega, por exemplo, que seu agente tenha sido ruim, mas que a estrutura da indústria é cruel com jovens mulheres.

Mia entrou para o mundo dos vídeos adultos quando, aos 21 anos, ao terminar a faculdade se viu desempregada. A jovem foi abordada por um homem que ofereceu um emprego como modelo e logo ela descobriu que se tratava de outro trabalho.

\n\n

ANÚNCIOS

Hoje ela afirma que o valor que recebeu pelos filmes, US$12 mil (cerca de R$50 mil), não compensa todo o sofrimento psíquico que sofreu. Mia gravou 6 filmes e afirma que essas produções a perseguirão por toda a vida.

Khalifa afirma que se convenceu a fazer os filmes porque imaginou que jamais se tornaria famosa ou conhecida por eles. Mas isso é longe da realidade, a jovem teve seu rosto exposto e gerou milhões de dólares as empresas do ramo.

ANÚNCIOS

A fama de Khalifa começou, de fato, quando a jovem fez um filme usando o hijab, um item sagrado do vestuário islâmico. Ela foi ameaçada pelo Estado Islâmico e hackeada no instagram, o que acabou provocando seu banimento da rede social.

Posteriormente, ela afirmou ter sido coagida a usar o hijab. Ela nasceu no líbano, mas vive nos Estados Unidos desde muito pequena. Agora, ela usa sua plataforma no Instagram para expor os problemas da indústria e conscientizar homens e mulheres sobre esse lado.

Roberta R

Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.